Homem morre após explosão de granada em tiroteio no Pavão-Pavãozinho, em Ipanema

Segundo a PM, outros três moradores foram feridos por explosão e levados para hospital

Moradores das comunidades Pavão-Pavãozinho e Cantagalo, que ficam entre os bairros de Ipanema e Copacabana, na zona sul do Rio, se assustaram com uma troca de tiros e explosão de granada no início da tarde desta quarta-feira (28). Segundo a UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) das comunidades, agentes faziam um patrulhamento na região do Serafim, por volta das 12h, quando suspeitos armados atiraram e arremessaram artefatos explosivos contra eles.

De acordo com o comando da unidade, houve troca de tiros e os suspeitos fugiram. Na ação, quatro moradores ficaram feridos pela explosão da granada e foram levados para o Hospital Miguel Couto. Uma das vítimas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade.

O hospital também confirmou que dois policiais foram atendidos na unidade. Até o momento, não há informações sobre o estado de saúde dos agentes e dos moradores feridos.

Os agentes fazem ações de varredura em busca dos suspeitos e o policiamento foi reforçado por agentes de outras UPPs e do Batalhão de Choque da PM. O caso foi registrado na delegacia de Ipanema (13ª DP) e deve ser encaminhado para a DH (Divisão de Homicídios da Capital).

Segundo o COR (Centro de Operações Rio), A rua Raul Pompéia e o Túnel Sá Freire Alvim foram interditados, por volta das 16h. A recomendação para os motoristas é evitar a região.

Também na zona sul da cidade, um suspeito foi baleado na favela da Rocinha durante uma troca de tiros. Segundo o Comando da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) da comunidade, policiais em patrulhamento foram surpreendidos por um homem armado, próximo a rua quatro. Ele teria trocado tiros com os agentes e foi atingido. O suspeito foi socorrido para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea. Ainda de acordo com a PM, o homem estava em posse de uma mochila, com dinheiro e drogas.

O ferido não teve a identificação revelada e não há informações sobre seu estado de saúde.

Fonte: R7

Comentários