Como limpar e conservar pincéis e esponjas de maquiagem

RIO - A gente usa, usa, usa, mas sempre esquece (ou bate aquela preguiça mesmo) de lavar os pincéis e esponjas de maquiagem. Mas, além de prevenir acúmulo de fungos e bactérias que podem causar alergias na pele, a higienização ajuda também a fazer com que eles durem mais.

Abaixo, você confere um guia que vai te ajudar a mantê-los sempre limpos e com cara de novos.

VIDA ÚTIL DE PINCÉIS E ESPONJAS

Amadores, que fazem menos uso de pincéis que os maquiadores profissionais, costumam ter acessórios que naturalmente duram. Segundo a maquiadora Alessandra Grochko, se o pincel for bem cuidado, costuma durar entre dois e três anos. No caso das esponjas, depende do modelo: há aquelas descartáveis, que devem ser inutilizadas logo após o primeiro uso, e outras que duram até dois meses.

POR QUE DEVEMOS LIMPAR OS ACESSÓRIOS

Alessandra faz uma comparação bem simples para esse caso. Cerdas de pincel e esponjas são que nem cabelo: vai ressecando, depois fica oleoso. O ambiente, portanto, vira lugar ideal para acúmulo de bactérias e fungos.

COMO E QUANDO LAVAR PINCÉIS

Esqueça a preguiça: é preciso lavá-los a cada 15 dias ou quando há muita maquiagem acumalada, sinaliza Rogério Melo, gerente de marketing da fabricante de pincéis e esponjas Belliz Company, que indica água corrente e sabão neutro (ou de bebê) para a limpeza e enxaguar bem para não restar nenhum vestígio, nem de maquiagem, nem de sabão. É preciso deixar secar bem (um secador de cabelo pode ajudar) e evitar molhar o cabo.

"Não precisa fazer higienização diária, porque o excesso de lavagem pode danificar o pincel e mudar o formato das cerdas, interferindo no objetivo da aplicação", explica FULANO.

COMO E QUANDO LAVAR ESPONJAS

"Para quem prefere as tradicionais, que vêm dentro dos produtos, sugiro lavar uma vez por semana, também com sabão neutro. Para as esponjas mais resistentes, basta uma vez a cada quinze dias", diz Alessandra., que gosta bastante de esponjas de silicones, supermodernas e mais resistentes, que deixam acabamento ultranatural. "Ela garante economia de pelo menos 50% do produto utilizado. Pode ser lavada depois de cada aplicação, em água morna com sabão neutro e fica pronta para ser usada novamente".

Rogério também dá uma dica preciosa para os fãs de esponjas:

"Não torça como roupas. Isso pode rachá-las e reduzir a sua vida útil".

Fonte: Jornal O Globo

Comentários