Novo Audi SQ5 com mais binário e igual potência

Naquele que é o primeiro salão automóvel do ano, ainda para mais realizado num mercado de especial importância para a marca dos quatro anéis, a Audi optou por apresentar-se em Detroit com um (entre outros) modelo especialmente cativante: a nova geração SQ5, que, pelo menos para já, passa a ser também a versão mais desportiva do novo SUV Q5.

Disputando no salão norte-americano os holofotes com o promissor Q8 Concept, o novo Audi SQ5 apresenta, a exemplo do antecessor, uma imagem exterior mais desportiva que as versões ditas mais civilizadas, com pormenores específicos, como é o caso do pára-choques dianteiro com maiores entradas de ar para arrefecer o compartimento do motor ou da moldura em cinza a envolver uma grelha frontal Singleframe de dimensões maiores.

No entanto, as maiores diferenças estão mesmo debaixo do capot dianteiro, onde já não mora o antigo 3,0 litros V6 sobrealimentado, mas antes um mais moderno 3 litros V6 turbo com os mesmos 354 cv do antecessor, mas também com 500 Nm de binário. Ou seja, mais 31 Nm que o anterior bloco.

Apoiado por uma caixa automática Tiptronic de oito velocidades e contando de série com sistema de tracção integral quattro, este SQ5 anuncia, contudo, prestações semelhantes às do antecessor, a começar pelos 5,1 segundos na aceleração dos 0 aos 100 Km/h, e a terminar nos 250 km/h de velocidade máxima. Novo é o facto de o modelo surgir agora com suspensão desportiva adaptativa a ar, capaz de garantir um abaixamento da carroçaria até 30 mm face à suspensão dita normal, a qual é também adaptativa.

Disponível estará ainda um pack S line, do qual fará parte um diferencial traseiro responsável por fazer a distribuição da potência entre as duas rodas, podendo mesmo direccionar toda a força para uma só roda. A este junta-se ainda uma direcção dinâmica capaz de fazer variar o rácio de apoio segundo a velocidade e o modo de condução seleccionado no Audi drive select, o qual, por sua vez, conta com os seguintes modos: Comfort, Auto, Dynamic e Individual, caso se trate de uma unidade com suspensão standard. Se se tratar de uma versão com a já referida suspensão desportiva, a esses quatro modos juntam-se ainda as opções Allroad e Lift/offroad.

Quanto ao equipamento, o SQ5 aproveita muitas das soluções já conhecidas do irmão Q5, entre as quais, o luxuoso sistema de som Bang&Olufsen e o sistema de conectividade 4G LTE. Sem esquecer a possibilidade de acoplamento de smartphones através do Apple CarPlay e Android Auto, a disponibilização do Audi Virtual Cockpit e opcionais como o head-up display a cores ou o cruise control adaptativo.

Fonte: Observador

Comentários